OS VILÕES DO SONO: NEM PENSE EM COMER ESTES ALIMENTOS À NOITE!

Saiba quais são os alimentos que devem ser evitados antes de ir pra cama e e durma como um anjo!

 

Se você anda passando por momentos de insônia, saiba que a culpa pode estar no prato! O que a gente come antes de ir para cama pode, sim, influenciar o sono.

As nutricionistas Kheyt Fernandes, do Instituto Lerner, e Angélica Grecco, do Instituto EndoVitta, listam os vilões da alimentação noturna.

 

Alimentos e bebidas com cafeína

 

Não é novidade que ela nos mantêm acordados, mas você sabia que a cafeína não está presente apenas no café e no refrigerante? Ela pode estar no chá (mate e preto, principalmente), no chocolate quente, e até nos remédios que tomamos. Fique de olho nos rótulos e nas bulas.

“A cafeína estimula o sistema nervoso central  e inibe a ação da adenosina (hormônio do sono)”, afirma a dra. Angélica. Ela ainda explica que mesmo o chocolate amargo não é recomendado: “Ele possui teobromina, que aumenta os batimentos cardíacos e causa insônia”, complementa.

 

Açúcares em excesso

 

Doces, bolos e até frutas secas em grandes quantidades estão proibidos. “O açúcar estimula a liberação de insulina, hormônio que impede e atrapalha a produção de outros hormônios durante a noite”, aponta a dra. Kheyt. Além disso, haverá um grande estímulo em seu metabolismo.

 

Álcool

 

Sabe aquela tacinha de vinho que relaxa? Talvez ela faça o efeito contrário momentos depois. Estudos têm apontado que o álcool pode prejudicar algumas fases do sono. Se você não abre mão de uma dose, não tem problema, mas tome algumas horas antes de ir pra cama.

 

Fermentados

 

Eles possuem um aminoácido que estimula o cérebro. Por isso, evite defumados, queijos envelhecidos, embutidos, carne curada…

 

Ácidos e picantes

 

Produtos como molhos de tomate ou alimentos que possam causar azia ou indigestão devem ser consumidos pelo menos três horas antes de dormir, tempo ideal para fazer a digestão ainda acordado.

 

Alimentos gordurosos e carne vermelha

 

Carnes vermelhas, frituras e quaisquer alimentos ricos em gordura exigem um maior tempo e esforço para digestão. “O tempo de esvaziamento gástrico é mais lento, dessa forma, para digerir este tipo de alimento, o organismo aumenta a produção de suco gástrico e consequentemente dispensa mais energia para digerir. Com isso, não consegue deixar o corpo descansar”, finaliza a dra. Angélica.

 

Dra. Kheyt Fernandes, Nutricionista do Instituto Lerner

Publicado no Blog M de Mulher

Veja o post original